(Créditos da imagem: NASA).

A ideia de levar civis para o espaço decolou nos últimos dois anos, com a SpaceX, a Blue Origin e a Virgin Galactic investindo no conceito em vários graus. Agora, a Rússia está entrando no negócio de turismo espacial, com planos para construir um hotel de luxo na órbita do nosso planeta.

De acordo com a Roscosmos, a Agência Espacial Federal Russa, o hotel terá 5,5 metros de comprimento e 20 toneladas. Contará com quatro quartos, 2 estações médicas e de higiene, academia e wi-fi.

Os custos de construção estão estimados entre 279 milhões e 446 milhões de dólares. O investimento será privado e estatal.

Para uma estadia entre 1 e 2 semanas, um passageiro deverá desembolsar cerca de 40 milhões de dólares.

O hotel pode ficar pronto até 2022. Porém, a Estação Espacial Internacional está programada para ser aposentada em 2028, e não daria tempo de recuperar o investimento inicial, o que é um grande problema.