(Créditos da imagem: NASA/JPL).

Pesquisadores da Universidade do Sul da Califórnia afirmam que, com base em uma nova análise, Marte provavelmente abriga um sistema de “águas subterrâneas profundas” que possivelmente se estende além dos polos do planeta.

“Vimos os mesmos mecanismos no Saara e na Península Arábica, e isso nos ajudou a explorar o mesmo mecanismo em Marte”, disse o pesquisador Abotalib Abotalib em um comunicado à imprensa.

Em um novo artigo publicado na prestigiada revista Nature Geoscience, Abotalib e seus colegas detalham as análises de dados de um instrumento de radar equipado na Mars Express, uma sonda da Agência Espacial Europeia que orbita o Planeta Vermelho.

No mês passado, a sonda forneceu evidências de um sistema de águas subterrâneas marciano maior que os cientistas acreditavam existir. Mas a análise da equipe do sul da Califórnia leva isso um passo adiante, fundamentando a hipótese de que a água pressurizada sob a superfície transborda através de rachaduras e forma correntes visíveis acima do solo.