(Créditos da imagem: Reprodução).

A fim de conter a disseminação de notícias falsas sobre conteúdos médicos perigosos, o Facebook e o Instagram estão, supostamente, trabalhando em um aviso de estilo pop-up que aparecerá ao lado do conteúdo antivacina.

O pop-up provavelmente aparecerá quando as pessoas procurarem ou se depararem com desinformação relacionada às vacinas, disse um representante do Instagram ao The Hill, sugerindo que o Facebook, a empresa dona do Instagram, está intensificando sua luta contra a disseminação de mitos médicos perigosos em suas plataformas.

Além disso, o Instagram bloqueou hashtags que divulgam os mitos já desmentidos de que as vacinas são perigosas ou ligadas de alguma forma ao autismo.

“A nossa abordagem à desinformação é a mesma do Facebook — quando encontramos informações incorretas, em vez de removê-las, reduzimos a sua distribuição”, disse Stephanie Otway, porta-voz da Instagram, ao Poynter. “Podemos usar a tecnologia de reconhecimento de imagens para encontrar o mesmo conteúdo no Instagram e realizar ações automáticas.”

O Facebook não compartilhou nenhum detalhe sobre como será o pop-up ou o qual mensagem ele vai transmitir.

O trabalho de identificar os boatos é feito com ajuda da Organização Mundial da Saúde e o Centro de Controle de Doenças e Prevenções dos Estados Unidos.