(Créditos da imagem: JAXA).

No mês passado, a sonda japonesa Hayabusa 2 pousou em um asteroide. Agora, a agência espacial japonesa (JAXA) diz que a espaçonave realizará um “retorno explosivo”.

No próximo mês, a Hayabusa 2 lançará uma bomba no asteroide Ryugu e vai extrair alguns dos fragmentos explodidos, de acordo com a Associated Press.

Quando a astronave posou pela primeira vez em Ryugu, ela disparou um pequeno projétil na superfície do asteroide, desalojando um pouco de poeira e de pequenas pedras para serem estudadas mais tarde. Agora, a espaçonave aumentará seu poder de fogo, lançando uma bomba a pouco mais de um quilômetro por segundo, o que deve gerar uma cratera de dez metros de largura.

Publicidade

Posteriormente, a Hayabusa 2 poderá averiguar a cratera, mas a JAXA informou à AP que priorizará a segurança da sonda caso o pouso na cratera seja muito perigoso.

Se a missão ter êxito, a Hayabusa 2 será a primeira espaçonave a extrair materiais do subsolo de um asteroide.

Publicidade

Embora a NASA tenha fragmentado um cometa em 2005, a agência estadunidense não não coletou os detritos do cometa para estudo, relata a AP. Como a Hayabusa 2 continuará a missão após a explosão, a sonda terá que se afastar rapidamente do asteroide antes de voltar para coletar os fragmentos.

“Será muito desafiador”, disse Takanao Saeki, engenheiro da JAXA, à AP.

Fonte:Futurism
Compartilhe:
Giovane Almeida
Sou baiano, tenho 18 anos e sou fascinado pelo Cosmos. Atualmente trabalho com a divulgação científica na internet — principalmente no Ciencianautas, projeto em que eu mesmo fundei aos 15 anos de idade —, com ênfase na astronomia e biologia.

Deixe seu comentário!

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.