Configuração da conjunção planetária da madruga desta terça-feira (14). (Créditos da imagem: Stellarium).

Todas as noites desta semana serão marcadas por um espetáculo astronômico: uma série de conjunções entre a Lua e os planetas Marte, Júpiter e Saturno.

Embora esses astros estejam a milhões de quilômetros uns dos outros, nesta semana, vistos da Terra, eles estarão bem juntinhos no céu. Na astronomia, esse tipo de evento é nomeado de conjunção planetária e ganha destaque pela facilidade observação, afinal, não necessita de quaisquer equipamentos para ser visto.

Apesar de o fenômeno ser visível durante toda a semana, a sua configuração vai mudar de uma noite para a outra. Na madrugada desta terça-feira (14), a Lua estará acima dos planetas Júpiter, Saturno e Marte, respectivamente (foto acima). Já na madrugada da próxima quarta-feira, Júpiter estará acima da Lua e de Saturno, que estarão lado a lado; Marte continuará embaixo desses três astros. Por isso, recomenda-se a observação do fenômeno ao decorrer de todas as noite, pois a conjunção entre esses quatro astros é bastante inabitual.

Configuração da conjunção planetária da madruga desta quarta-feira (15). (Créditos da imagem: Stellarium).

Para observar o fenômeno basta olhar para o leste, na constelação de Capricórnio, a partir das 00h40. Não é necessário nenhum equipamento para observar, mas com a ajuda de um telescópio ou binóculos você poderá ver os anéis de Saturno e alguns satélites naturais de Júpiter. E por mais simples que possa parecer, este evento é o momento ideal para parar um pouco e observar a imensidão do Universo. Boas observações!