(Créditos da imagem: Archaeological Centre Olomouc).

Um objeto quase que totalmente destruído não aparenta ser algo especial, mas, de acordo com novas pesquisas, esta estrutura (imagem acima) é extremamente surpreendente. Uma técnica de datação por anéis de árvores revelou que a madeira de carvalho usada para produzi-la foi cortada há 7.275 anos; isso a torna a estrutura de madeira mais antiga conhecida no mundo!

“De acordo com nossas descobertas, com base particularmente em dados dendrocronológicos, podemos dizer que os troncos das árvores utilizadas foram cortados nos anos 5255 e 5256 AEC”, explicou o arqueólogo Jaroslav Peška, do Centro Arqueológico Olomouc, na República Tcheca. “Os anéis dos troncos nos permitem dar uma estimativa precisa de quando as árvores foram derrubadas”, acrescentou o Peška.

O objeto foi descoberto perto da cidade de Ostrov em 2018 durante a construção da rodovia D35 na República Tcheca. A estrutura consiste em quatro troncos de carvalho, um em cada canto, com tábuas planas entre eles.

O estado de preservação da madeira está incrivelmente bom, pois mostra marcas das ferramentas de pedra polida usadas para modelar cada peça.

(Créditos da imagem: Rybníček et al., J. Archaeol. Sci., 2020).

“A estrutura possui marcas de técnicas de construção usadas na era do bronze e do ferro e até na era romana. Não tínhamos ideia de que os primeiros fazendeiros, que só tinham ferramentas de pedra, ossos, chifres ou madeira, conseguiram processar a superfície de troncos cortados com tanta precisão”, disse a equipe por trás da descoberta.

O ótimo estado de preservação também permitiu a dendrocronologia (baseada em anéis de árvores) e datação por radiocarbono, com base em isótopos radioativos de carbono. [ScienceAlert].