Sistema binário AR Scorpii. (Créditos da imagem: Universidade de Warwick).

Em 2016 os astrônomos descobriram uma anã branca vibrante. Agora eles anunciaram que o objeto é o primeiro pulsar anão branco descoberto.

Conforme relatado na Nature Astronomy, pesquisadores da Universidade de Warwick e do Observatório Astronômico da África do Sul confirmaram que a AR Scorpii (AR Sco) é um pulsar anão branco. O pulsar está em um sistema binário com uma estrela anã vermelha e está localizado a 380 anos-luz da Terra.

Os pulsares anões brancos têm sido teorizados há muitos anos. As anãs brancas são o produto final de estrelas que não são muito grandes, enquanto os pulsares são estrelas de nêutrons girando rapidamente (o produto final de algumas das maiores estrelas). Assim, teoricamente, pode-se ter uma anã branca altamente magnetizada, rapidamente girando.

Publicidade

Mas esse objeto tem “escapado” dos astrônomos há décadas, até o ano passado, quando a AR Scorpii foi vista “chicoteando” a sua companheira vermelha com um fluxo de partículas. A anã branca gira sobre si mesma a cada 2 minutos e tem um campo magnético 100 milhões de vezes maior do que o da Terra.

A corrente de partículas da anã branca para a vermelha acelera os elétrons da atmosfera da estrela vermelha para quase a velocidade da luz. Esse fenômeno nunca foi testemunhado antes.

Publicidade

As duas estrelas do sistema giram em torno uma da outra a cada 3 horas e 36 minutos e estão a 1,4 milhão de quilômetros de distância uma da outra.

Adaptado de Alfredo Carpineti para o IFLScience.

Referência:

  1. BUCKLEY, D. A. H.. “Polarimetric evidence of a white dwarf pulsar in the binary system AR Scorpii”; Nature Astronomy. Acesso em: 02 dez. 2017.
Compartilhe:
Giovane Almeida
Sou baiano, tenho 18 anos e sou fascinado pelo Cosmos. Atualmente trabalho com a divulgação científica na internet — principalmente no Ciencianautas, projeto em que eu mesmo fundei aos 15 anos de idade —, com ênfase na astronomia e biologia.

Deixe seu comentário!

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui.